Vamos falar sério: persistência x inspiração

2016-12-30_frases-inspirac3a7c3a3o

O post de hoje é sobre um assunto importante que vem me atormentando há alguns dias. O que vocês sabem sobre persistência e inspiração? Na carreira freelancer e em qualquer carreira que você está desejando ter, é preciso que haja um consenso, isto é, você está feliz?

Em primeiro lugar vamos aos fatos: por que você está aqui? Está obrigado? Não tem nada para fazer? Não está se encaixando com o mundo?

Já reparou o quanto a sociedade tenta nos privar de sermos livres e tentarmos uma vida completamente nova, diferente? Percebo que muitas pessoas estão perdidas, fragmentadas, despedaçadas, em que não sabem ao certo o motivo por estarem fazendo tal coisa. A chamada imposição dos pais, a pressão da sociedade capitalista fazem com que fiquemos com pressa para ir além, para conhecer o futuro o mais rápido possível. Percebo o quanto estamos esgotados, mesmo sendo jovens. Hoje, vejo que muita gente está infeliz ou insatisfeita e às vezes, não têm noção de como descrever isso em palavras que o mundo possa compreender ou ter, pelo menos, paciência para saber lidar. Não devemos culpar ou tentar encontrar desculpas. O sentimento de “não pertencer” existe e somos provas.

Mas, voltemos ao assunto principal. Persistência x Inspiração.

Quando é hora de parar?

Quando estamos motivados a fazer algo, nós tendemos a querer tudo para ontem ou antes de ontem. Chega um momento em que estamos tão felizes, tão ansiosos e tão organizados que buscamos permanecer nesse êxtase para que essa fase não passe ou para que não enjoemos dessa coisa que um dia foi o gatilho para a sua carreira. Por isso que você deve parar e pensar se ainda está inspirada, se ainda se sente motivada ou se está apenas persistindo em algo que não lhe dá mais paixão, mais prazer.

Como já disse, comecei a minha carreira freelancer como redatora e hoje atuo mais como revisora. É tão difícil conseguir uma estabilidade. É tão difícil ver uma luz no fim do túnel diante de tanta desvalorização, tantos competidores, tantos profissionais excelentes. Será que ainda estou inspirada? Acredito que sim, mas essa geração não fica satisfeita por muito tempo. Sempre queremos mais, seja para nos fortalecer ou tentar algo novo.

E você, como está se sentindo? Está realmente feliz?

Como avaliar a situação?

O que pode ser estranho e até complicado de entender é que nem sempre somos 100% honestos conosco. Por isso a necessidade de sempre avaliar a situação. Repense: é isso que quer para a vida inteira? Ainda há tempo? Quais são os seus planos? E os sonhos, ainda existem?  Se a sua carreira permite flexibilidade, qualidade e vida e, claro, prazer, você está no caminho certo. Porém, entenda que você tem todo o tempo do mundo para se arriscar, para tentar de novo. Não se preocupe!

Responda: você está inspirada? Se sim, continue a nadar. Se não, não persista. Saiba a hora de repensar suas escolhas. E aproveite para anotar tudo em um caderninho para que você possa revê-lo um dia e avaliar o seu passado. Aliás, escreva um livro. O que acha? Coloque para fora o que você sente!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s