O que já deu errado nessa carreira freelancer

freelancer-life-insurance-featured

Muitos me perguntam: “Vejo você muito bem na carreira, não tem nenhum problema não?”. Como qualquer profissão eu já tive meus altos e baixos e nem por isso fiquei falando aos quatro ventos. Nem sempre estamos em nossos melhores dias e coisas podem acontecer, tanto negativas quanto positivas.

E na carreira freelancer não poderia diferente. E é hoje que vou contar o lado negativo dessa minha experiência porque é bom saber. Ninguém tinha me contado sobre isso e foi bom passar por esses problemas e situações para fortalecer a profissional que eu sou atualmente. Logo, se está pensando em seguir esta profissão, é necessário pesquisar o lado bom e ruim a fim de não se frustrar lá na frente.

Falta de profissionalismo

Em primeiro lugar é preciso que você compreenda que o comprometimento e o profissionalismo são muito importantes. Houve clientes que quiseram ficar amigos para então cortar a relação entre cliente e freelancer, de modo que as datas de pagamento e os prazos pudessem ser revistos ou até “esquecidos”.

Dica: não queira ser amiga de ninguém. O relacionamento é estritamente profissional, em que você entregará o serviço e pronto. Caso contrário, a partir do momento que você der abertura, você pode pagar caro por isso. Separe muito bem. E não deixe as pessoas se aproveitarem de você, jamais.

Falta de responsabilidade

Quando se pega um freela o cliente já especifica para quando ele quer. E é você que deve seguir com essa responsabilidade em devolver no prazo pedido. E é o cliente que deve lhe pagar. Uma mão ajuda a outra, certo? Pois bem, saiba que quando você não entregar no dia certo (sem avisar com antecedência), o cliente pode muito bem mudar o dia do pagamento. Por isso, não dê margem e, principalmente, não seja hipócrita.

Sempre mantive uma comunicação muito direta, avisando quando eu não poderia entregar, qual seria a data limite e sempre dei satisfação, porque é dessa forma que você transmite mais confiança e credibilidade.

Entretanto, quando você entrega tudo certinho e o cliente não paga e some (sim, já aconteceu comigo várias vezes), você não pode desistir. Encontre ele de qualquer forma porque é o seu trabalho, é o seu nome. E quando encontrar, ele pedir desculpa e insistir que será diferente, não aceite. Acredite, por experiência própria passei 3 meses mendigando e implorando para ser paga e não era uma quantia pequena. No final, não valeu a pena. Me “demiti”. E fiquei feliz, mais sossegada, mais aliviada.

Dicas para ser freelancer

O trabalho freelancer requer disciplina porque quando você faz uma planilha para organizar todos os trabalhos, pagamentos e datas, você já conta com aquele dinheiro para pagar as contas e fazer compras. E quando não existe comprometimento com a outra parte não vale a pena se “matar”. Vai em busca de alguém que irá valorizar o seu serviço em primeiro lugar.

Então, veja as dicas:

  • Quando definirem datas, pagamentos, guarde tudo em arquivo. Não exclua nada até terminar o serviço prestado;
  • Qualquer acordo feito deve ser guardado também, de modo que você tenha provas;
  • Caso seja serviço de redação de artigos, copywriter, pergunte se será ghostwriter ou não, pergunte em que portal, site, blog, será postado. Não se esqueça que cada texto seu é o seu portfolio, então rastreie todos;
  • Se for serviço de revisão, mande sempre uma declaração no final, com RG, nome e mini-currículo, especificando que foi você quem realizou o serviço;
  • Cuidado que muitas pessoas podem contratar você para realizar serviços ilegais, como provas, TCCs e artigos acadêmicos, portanto, nunca aceite uma proposta quando não se sabe ao certo para onde vai o material. Não seja corrupta na profissão.

Então, já passaram por isso? Tem alguma dúvida ou sugestão? Deixe seu comentário!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s